Novidades

As últimas do ZB & C

Músicas

Nossos discos

Os Venenu do Sertão

6 Músicas

Galeria

fotos & vídeos
Zé Barrero e Catuaba
8 imagens

Não percam nossos shows!

veja abaixo toda nossa agenda

fique ligado
agenda

Agenda

em breve, detalhes de toda agenda do Zé Barrero & Catuaba
Data
 
Local
Cidade
Horário
Info / Comprar

. . .

. . .

. . .

. . .

A dupla

um pouco sobre nóis!

A incrível história

que as mães deles contam!

1994, Roberto Baggio erra o pênalti e o Brasil se torna tetra Campeão Mundial! Empolgado com a vitória, Catuaba, com apenas 6 anos de idade, em meio a um descuido de seus pais decide sair na rua, que era dominada por pessoas eufóricas com a vitória e para comemorar acende um foguete ao contrário em direção ao seu próprio mamilo esquerdo. O acidente foi inevitável!

Era impossível ouvir os gritos de dor abafados pelo som ensurdecedor dos brasileiros que comemoravam o tetra campeonato. A sorte muda quando um jovem de 87 anos que passava pelo local encontra o mamilo decepado grudado nas lentes de seus óculos conduzindo-os imediatamente ao hospital mais próximo para a reintegração mamilística ao peito esquerdo. Com o bom funcionamento dos hospitais públicos, Catuaba é atendido rapidamente depois de 23 dias na sala de espera, sendo direcionado à ala de cirugia por uma enfermeira ruiva de cabelos negros.

Já na mesa cirúrgica ele se depara com um médico de aparência suspeita, talvez por ser novo o bastante para gerar dúvidas quanto à sua precoce formação em medicina. A cirurgia seria um sucesso se o mamilo não fosse costurado num local inapropriado logo acima do umbigo. Tal fato revelou que o médico não passava de um farsante que se usurpou de doutor para se esconder de sua mãe que o procurava com um chinelo em uma das mãos. Seu nome virou manchete nos jornais da época, “Zé Barrero, o garoto de branco”. Depois de cumprir alguns meses no centro de reabilitação infantil, Zé aos 5 anos de idade decide procurar Catuaba para um pedido formal de desculpas e se tornam melhores amigos.

Confusões, Mamilos e destino! Inseparáveis a partir de então, em 2002 eles abrem o próprio negócio, com isso acreditavam que poderiam mudar o mundo. Surge aí o primeiro empreendimento, o “Espetinho Felino”, ninguém sabe dizer o real motivo da falência da empresa já que tinham a crença de terem encontrado o “pulo do gato” para o sucesso.

Decepções e muitas derrotas viriam depois, mas sempre juntos nunca desistiram e em meados de 2014, quase a beira de um colapso estomacal, um grito de dor parecido com o de 1994 ecoa da garanta de Catuaba atingindo notas agudas impressionantes. Com o ouvido sensível e absoluto, Zé Barrero percebe a musicalidade em ambos e juntos passam a se aventurar nas profundezas da música e dos palcos.

Atualmente com vários prêmios internacionais com o álbum “Os Veneno do Sertão” (entre eles o Grammy Latino como melhor comedy music contemporâneo barroco e uma indicação ao Oscar pela trilha sonora composta pela dupla no filme russo “Rowsvskowiscktck”) assim como Tim Maia, dispensam apresentações.

Quando comparecem sempre deixam suas marcas nas paredes dos camarins com frases de banheiros de rodoviária do tipo “ 30 cm de diversão dividido por 2, conheça ZB&C. Festa, Rodeio, Despedida de Solteiro, Boldas de Ouro, Divórcio, Chá de cozinha, Surpresas Conjugais, Páscoa, Manifestações, Concurso de Beleza Canina e Eventos em Geral.”

Assim como o plástico bolha, impossível não estourar!

Entre em Contato

7 Tons Produções Artísticas


Vendas / Shows
(11) 99853.1107
vendas@zebarreroecatuaba.com.br